Estadual

19/11/2020 11:51

Gisela Simona trai eleitores e a sí mesma para apoiar Abílio

Os eleitores de Gisela Simona não perdoam a candidata por ter se aliado com Abilio Júnior que representa a extrema direta bolsonarista

Da Redação

 

A candidata a prefeita de Cuiabá derrotada no primeiro turno Gisela Simona (PROS),traiu seus eleitores e apoiadores e a sí mesma enquanto mulher e declarou apoio ao candidato Abílio Júnior, do Podemos.

Em debate no primeiro turno, Abílio subestimou a então candidata adversária pelo fato dela ser mulher.

A decisão da ex-superintendente do Procon-MT foi anunciada em entrevista coletiva na manhã desta quinta-feira,19.

Abílio estava ao lado da ex-adversária e não escondia a satisfação por receber o apoio de Gisela que teve mais de 50 mil votos no primeiro turno e ficou em terceiro lugar na disputa pelo Palácio Alencastro.

Em sua justificativa para apoiar o candidato da extrema direita cuiabana, Gisela alegou casos de corrupção que mancharia a trajetória política do atual prefeito da Capital, Emanuel Pinheiro (MDB), em especial, o chamado "Escândalo do Paletó".

Segundo Gisela, suas posições nunca foram radicais e que não é de extremismo e que ouviu os dois candidatos antes de tomar a decisão sobre quem apoiará no segundo turno eleitoral. Sua opção por Abílio converge com sua posição de combate à corrupção que seria inerente ao atual prefeito.

"Defendemos como pilar no nosso plano de governo o combate à corrupção. A corrupção mata as pessoas. Hoje há pessoas que morrem esperando por cirurgias, porque há desvio de dinheiro público”, disse a política.

Para apoiadores e eleitores que confiaram nas pautas feministas de Gisela e em seu discurso progressista de valorização e respeito aos servidores públicos, em defesa das mulheres, minorias e da democracia, Gisela Simona é uma traidora.

A adesão ao candidato Abílio Júnior, que incorpora as posições polítio-administrativas e comportamentais do presidente Jair Bolsonaro ao ponto de responsabilizar os servidores pela má qualidade dos serviços públicos, foi muito criticada nas redes sociais assim que foi confirmada.

 


versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo